21 coisas que aprendi em 21 anos

Nesse dia 28 de setembro, eu completei 21 anos. Eu não tenho o costume de pensar em idade ou comemorar aniversários, o motivo talvez eu explique outro dia, mas nesse aniversário eu pensei muito nas coisas que aprendi nos últimos anos. À medida que fui ficando mais adulto, as pessoas começaram a dizer coisas “como você cresceu”, “até um tempo atrás você era tão menininho” e “você encorpou, ficou mais homem”, e muitas outras coisas.

Independente das mudanças físicas, eu prefiro focar nas experiências. Me considero um tipo de pessoa ávida por conhecimento. Porque, na minha humilde opinião, nada pode nos tornar mais fortes e melhores do que saber, conhecer, experimentar e entender.

E de certa forma, aprendi muitas lições nesse tempo e pra cada ano, tirei uma lição. Mesmo daqueles eu nem lembro, mas que meus pais fazem o favor de recordar.

1º Aprendi a ver o lado bom que o mundo pode oferecer.

Eu sei que dizer isso parece meio estranho. Mas, mesmo com toda a destruição e dor que está lá fora, quando comecei a observar as pequenas coisas da vida como olhar todos os dias um casulo de borboleta até ela renascer ou a maneira como uma mãe olha para o filho eu comecei a entender que o mundo é completo e perfeito, e entendi que precisava fazer a minha parte para mantê-lo assim.

2º Só dei valor depois que perdi.

Simples e doloroso, mas me ensinou a valorizar mais as coisas que tenho e olhar de um jeito mais generoso.

3º Todo momento pode ser o último e é assustador quando a vida te mostra isso.

Eu tinha 11 anos quando minha irmã mais velha morreu em um acidente de carro aos 17 anos. E meu último momento com ela foi uma tarde tomando sorvete junto dela em frente à sua casa. Eu nunca aprendi uma lição mais forte do que essa e espero que mais pessoas valorizem os momentos ao lado de quem gosta, porque quando a vida mostrar isso não vai ser do jeito mais fácil.

4º Tem mais dos meus pais em mim do que eu acreditava.

Perdi as contas de quantas vezes falei, agi ou reagi diante de várias situações de um jeito que me lembrou muito meu pai ou minha mãe. Em meus relacionamentos, cansei de me pegar falando coisas para o meu companheiro, do mesmo jeito, tom e forma que minha mãe falava para o meu pai e vice-versa. E fico muito orgulhoso de saber que tenho tanto dos meus pais em mim, porque quando você cresce e descobre como o mundo é, vai desejar ter a mesma força e capacidade que eles tiveram para conquistar tudo o que tem. É como ter uma parte de cada um deles vivendo em você.

5º Eles querem te proteger do mundo

Eu tive muitas brigas com meus pais no passado, principalmente com a minha mãe. Agora que estou ficando adulto e vendo como o mundo é, eu sei que tudo o que eles queriam era me proteger disso. Mesmo que me magoasse ou me fizesse sofrer, eles só queriam o meu bem, e foi nesse momento que eu entendi o quanto os pais são desesperadamente preocupados em evitar que a gente sofra e o quanto nos amam. Porque quando se ama alguém, você faz o melhor para ela, mesmo que a machuque.

6º Você sempre vai se achar mais fraco do que realmente é

Tive momentos na minha vida em que eu pensei “não aguento mais”, momentos em que você chega no seu limite, e são esses momentos que te mostram o quanto você é forte e quão longe você pode ir.

7º A escolha entre o bem e o mal é real e diária.

Pode parecer meio fora da casinha falar de escolher entre o bem e o mal. Mas é real. Quando era pequeno e via desenhos onde personagens tinham que fazer suas escolhas, achava que chegaria o momento em que eu teria que fazer a minha. Fui crescendo aguardando esse momento, até este aqui, em que entendi que todo dia temos essa escolha. Todo dia quando acordamos, podemos escolher sermos pessoas melhores.

8º O mundo dá voltas, o universo cobra e a vida dá o troco.

Falando de vingança, eu tive minhas fases, mas sempre fui mais do tipo que ficava calado quando faziam algo ruim comigo. Ofensas, tramas e tudo que fazem de ruim contra você são coisas que só fazem mal se você alimentar elas dentro de você. Eu sou paciente, e fiz do tempo um grande amigo. Sabe o que ele me mostrou? Que justiça existe. Cedo ou tarde cada um colhe o que plantou. É algo muito real e que eu vi acontecendo e tenho certeza de que você também sabe que é de verdade. Por isso passei deixar a vingança de lado, e deixar que o mundo faça o trabaho dele.

9º O seu mundo, e quem fizer parte dele, será seu refugio.

Eu aprendi que o mundo é um lugar mau e que situações que vão te machucar não vão faltar enquanto viver. Já me magoaram, me fizeram chorar, sofrer e querer desistir de tudo. E nessas horas, a melhor coisa que fiz foi fugir para aquilo que me fazia bem. Meu quarto, o abraço da minha mãe ou do meu namorado, ou as músicas no meu computador. São como um lugar onde nada pode te alcançar, onde você está distante demais para qualquer sentimento ruim te fazer mal, e é desses lugares que você vai precisar nas horas difíceis.

10º O mundo é cruel e você tem a escolha de fazer parte dele ou fazer a diferença

O mundo me deu todos os motivos para ser uma pessoa ruim, e tenho certeza que vai te dar também. Eu olho para mim hoje e vejo um garoto nerd, gay, tatuado, com 11 graus de miopia, óculos de lentes grossas e sem nenhum atrativo físico. Por natureza, as outras pessoas se acham melhores que eu, consciente ou inconscientemente. Eu posso compensar isso com um pouco de chatice, mas não ganharia nada com isso. Se alguém se acha melhor que você… ou se o mundo se acha melhor que você, saiba que todos nós somos únicos. Eu sei de coisas que ninguém mais sabe, eu conquistei coisas que ninguém jamais conquistou e o meu objetivo é ser feliz. Deixe as pessoas com as opiniões delas, porque sendo bem sincero consigo mesmo, não é isso que importa para buscar aquilo que você quer;

11° Quando for apenas você contra o mundo, que ele comemore a vitória, mas que você venda cara a derrota.

Eu sempre ouvi muito “você não pode fazer isso” e quando perguntava porquê, me diziam “Hora, porque ninguém nunca fez assim”. Sendo bem sincero com vocês, eu não me lembro da quantidade de vezes em que eu pensei comigo mesmo “agora somos nós contra o mundo”, já é meu grito de guerra. Já me acostumei a lutar contra ele ou contra todos. E não pense que é uma briga fácil! Devo dizer também que você nem sempre vai ganhar, principalmente se estivermos falando de buscar a felicidade. O mundo está cheio de dor e tristeza, acho que isso o tornou amargo e mesmo que seja isso que prevaleça ao seu redor, sempre se lembre que você terá motivos para sorrir mesmo quando achar que não tem.

12º Você nunca está sozinho, existem pessoas boas no mundo e pessoas que te amam.

Quando eu enfrentei dificuldades no passado, seja com a família ou em relacionamentos, eu fiquei surpreso com o número de pessoas que me apoiaram e que estavam dispostas a me ajudar. Foi quando entendi que sempre haverá quem te ame, mesmo pessoas que você não espera que tenham essa atitude.

13º Você vai querer desistir

Eu enfrentei momentos muitos difíceis na minha vida, e sei que você também enfrentou e vai enfrentar. E o resultado desses momentos, dessas batalhas, muitas vezes serão os piores possíveis. Eu quis desistir em todos os sentidos. Mas entendi que o meu objetivo era muito maior que isso e por tudo que eu acredito, pelas pessoas que me amam e acreditam em mim, eu continuei.

14º Você experimentará todos os sentimentos e não vai estar preparado para isso.

O primeiro amor, o primeiro coração partido, a primeira briga com a sua mãe, a primeira vez que você não ama mais alguém que ainda te ama. Esses são alguns dos sentimentos que mais me deixaram perdido. Para alguns eu não tenho nome e outros eu recebo com velhos amigos. Eu nunca vou estar preparado para eles. São o tipo de coisa com a qual precisamos aprender a conviver e tirar o melhor em cada situação que os acompanham.

15º Cuidado com a vingança

Quando eu era mais jovem, e estava naquela época de ter decepções amorosas, comecei a me encher de ódio, desejar o mal e querer me vingar. Devo ter feito isso umas 4 ou 5 vezes, e fico feliz de ter entendido que a vingança não leva a nada. Eu considero que a melhor vingança é perdoar. Mostrar que é evoluído o bastante para ignorar essas coisas ruins e se concentrar no que vale a pena pra sua vida.

16º Chore quando tiver vontade de chorar

Eu vou contar agora uma coisa que nunca contei pra ninguém. Muitas vezes quando estou sozinho no meu quarto, eu choro. Choro por tudo, pela minha irmã, pelo medo, pelas coisas ruins que aconteceram e muitas outras. Chorar é como colocar pra fora essas coisas ruins. É extravasar tudo que estava entalado em você. Quando estava na porta do hospital, e recebi a notícia que minha irmã havia morrido e comece a soluçar e me engasgar com o choro, eu estava com uma amiga da família muito próxima que me abraçou e disse “Chora, pode chorar, você precisa. Vai te fazer bem.” Ela estava certa.

17º As coisas mudaram muito nos últimos 21 anos, e mudarão mais nos próximos 21

Esse é o tipo de coisa que você só se dá conta depois que se passa muito tempo. Eu ainda não acredito em como minha vida pode mudar tanto em tão pouco tempo. E as vezes me pergunto se estava pronto.

18º Você dirá para você mesmo que era feliz e não sabia.

Eu vim de uma família muito simples, realmente simples. Cresci brincando no monte de areia que tinha no quintal da nossa casa que ia ser usado para construir um novo cômodo. Morávamos meus pais, minha irmã e eu. E mesmo tudo tendo melhorado muito com o tempo, e sendo muito grato, eu olho para tráz e fico triste por não ter reconhecido a felicidade daqueles dias.

19º O futuro te assusta e o passado se torna um bom amigo.

Quem não sente algo no fundo do estômago quando pensa no futuro, em quem e como você será daqui a 10 anos? Eu me lembro de pensar isso 10 anos atrás, e quando me lembro sinto um arrepio na espinha, porque 10 anos são muito tempo e muita coisa aconteceu.

20º É melhor fazer as coisas de que gosta agora.

Parece ser o tipo de frase que um senhor na beira da morte diria, né? Eu aprendi a fazer a coisas de que gosto agora, com ou sem tempo, não importa. Faça coisas que te deixem feliz, as pequenas e as grandes, e você nunca terá motivos para se arrepender.

21º Remoer as coisas do passado não vele a pena, apenas tire o melhor delas.

Mais em cima eu disse que o passado se torna um bom amigo, mas só depois que você aprende a lidar com ele. E vai por mim, não é fácil. Do meu passado, eu fico com o que me faz bem. E acho que as pessoas deviam fazer o mesmo.

É impossível colocar tudo que se aprende na vida em uma lista e possivelmente eu esqueci de muitas coisas que gostaria de falar. Espero olhar para esse texto daqui a 21 anos e ter mais 21 coisas diferentes para acrescentar, porque o mundo é criativo e não cansa de me surpreender.

Gostou deste texto? Comente aqui embaixo o que achou e quais as maiores lições que você aprendeu até hoje.

Blogueiro, criador do Cronistas de Quarto, amante de chuva, música, cinema e passar horas no quarto rabiscando aventuras.

Se você gostou desse texto, deixe aqui seu comentário. :)

comentários