Gouinage, já tinha ouvido falar?

Nesse post eu vou falar de um assunto que não é uma novidade, mas que eu ainda percebo que existe uma certa desinformação por parte de muita gente. E se você tem menos de 18 anos, preciso avisar que eu uso alguns termos impróprios pra sua idade aqui.

Na verdade, falar sobre isso levanta uma série de pontos que eu gostaria de comentar. Em uma roda de amigos ou quando conheço alguém e sexo é o assunto, as pessoas já olham com aquela curiosidade “será que é ativo ou passivo?”.

E eu fico ainda mais desconfortável em ter que explicar sobre isso. E esse foi o principal motivo para eu falar sobre esse assunto. O que é ser gouine?

Então, esse post é pra esclarecer alguns pontos sobre Gouinage.

Vamos do começo. Gouinage é uma palavra francesa que surgiu para descrever o sexo lésbico. As mulheres tem uma capacidade muito maior de aproveitar cada sensação que o corpo proporciona de uma maneira muito melhor que os homens. É comum (acho) no sexo lésbico não ter penetração, e daí veio o conceito do Gouinage.

Ao contrário do que muita gente pensa, uma relação sexual não precisa ter penetração pra ser classificada assim.

Gouines são aquelas pessoas (heteros também, tá?), que aproveitam muito mais as “preliminares” do que o sexo em sim.

Durante algum tempo achei que eu fosse assexuado. Mas sentia atração e tinha vontade de estar com a pessoa na cama, mas não sentia vontade de passar disso. Sem pipi no popo. E isso sempre atrapalhou um pouco minhas relações. No sexo, as pessoas estão muito focadas na na penetração e etc. O resultado disso era que eu ficava horas me perguntando o que tinha de errado comigo até descobrir um dia que eu não estava sozinho.

O sexo gouine explora muito mais os sentidos e o tato do que qualquer outro. Está muito mais ligado ao sentir o corpo do parceiro do que a penetração em sim.

Pode ter penetração? Pode. É normal querer satisfazer o parceiro em uma relação. Em muitos namoros não foi fácil, e nem tudo pode ser do jeito que a gente quer. Outra coisa é que

Eu posso ser gouine, mas na hora querer ser ativo, passivo ou whatever. O que tem de errado nisso? As pessoas tem mania de criar rótulos para o que não precisa.

Não é fácil para um gouine encontrar o parceiro certo. Ao menos pra mim não foi. Seja para sexo casual ou para um relacionamento, ou você se rende ao que os outros querem ou tem uma conversa aberta com o parceiro. Mas aqui entre nós, não vale a pena tentar sem algo que a gente não é.

Blogueiro, criador do Cronistas de Quarto, amante de chuva, música, cinema e passar horas no quarto rabiscando aventuras.

Se você gostou desse texto, deixe aqui seu comentário. :)

comentários