6 Coisas que aprendi com House of Cards

Cronistas de Quarto - Séries - House Of Cards

Finalmente, depois uma longa espera a Netflix disponibilizou a 4ª temporada de uma das minhas séries favoritas: House of Cards

E vou dizer para vocês, a espera valeu a pena. O enredo está cheio de acontecimentos e em nenhum momento sobra espaço para respirar. São coisas acontecendo atrás de coisas e decisões sendo tomadas em cima decisões. Em meio ao fogo cruzado de entre Claire e Frank Underwood, novos personagens (inimigos e amigos), são inseridos na história. O que me deixou desconfiado sobre o que iria acontecer em cada episódio. Aliás, nenhuma temporada foi tão imprevisível como essa. Eu assisti com as mãos apertando a cadeira porque nunca sabia o que ia acontecer a seguir. E aconteceu de quase tudo.

E para comemorar o lançamento dessa excelente temporada da série, eu resolvi listar 6 coisas que aprendi com nosso aclamado presidente, Frank Underwood.

“Dinheiro é mansão no bairro errado, que começa a desmoronar após dez anos. Poder é o velho edifício de pedra, que se mantém de pé por séculos. Não respeito quem não sabe distinguir os dois.”

“Assim é como se devora uma baleia, Doug. Um pedaço de cada vez”.

No geral, Claire e Frank fizeram uma escolha. Para não dizer que venderam a alma. Independente de como podemos observar a relação deles, a forma como se tratam é admirável. Um fortalece o outro. Os dois juntos são imbatíveis.  Um contra o outro são destrutivamente imprevisíveis.

Nas palavras do próprio presidente:

Os fãs mais assíduos saberão de primeira, os maratonistas de plantão responderão na lata. Quem disse essa frase?

Posted by Netflix on Sunday, March 6, 2016

“Eu vou vencer. E eu vou deixar um legado”

“Se não gosta de como a mesa está posta, vire a mesa”

“Não há nenhum conforto, nem acima nem abaixo, apenas nós… pequenos, solitários, lutando, brigando uns com os outros. Eu rezo para mim mesmo e por mim mesmo.”

Fazendo um resumo, House of Cards mostra o preço de nossas escolhas, do poder e do que é preciso para alcançá-lo. As primeiras temporadas são recheadas de frases de efeito e diálogos diretos de Frank com o espectador. Isso faz com que a gente entenda o raciocínio do personagem ao longo da série e acabe entendendo o porquê de cada escolha.

Que tal começar a ver agora e tirar suas próprias conclusões?

Começa agora a Operação House of Cards. #FU2016

Posted by Netflix on Friday, March 4, 2016

 

Blogueiro, criador do Cronistas de Quarto, amante de chuva, música, cinema e passar horas no quarto rabiscando aventuras.

Se você gostou desse texto, deixe aqui seu comentário. :)

comentários

  • Muito bom esse conteúdo, seu site está demais